Boletim Eletrônico da ASPAS - 18 de dezembro de 2023

 
 
 
18 de dezembro de 2023
 
   
     
 

SERPROS pesquisa satisfação dos participantes para aprimorar o atendimento. Participe você também!

=> Nova Diretoria quer saber a sua opinião, primeiro passo para que a gestão seja direcionada para atender cada vez mais às suas necessidades

A Diretoria Executiva do SERPROS está realizando uma pesquisa de satisfação com os participantes. A pesquisa está disponível no site do Fundo até o dia 20 de dezembro, ou seja, até esta próxima 4ª feira.

"Para garantir que nosso trabalho seja o que você espera e merece receber, precisamos da sua ajuda", diz o informe do SERPROS. O objetivo do Fundo é manter "um atendimento de qualidade, que atenda às suas necessidades, dúvidas e sugestões". A partir dos resultados da pesquisa, o SERPROS pretende "aprimorar ainda mais o atendimento que oferecemos a você".

A pesquisa é rápida e intuitiva. Colabore e participe!

CLIQUE AQUI PARA RESPONDER A PESQUISA

18/12/23

 
     
 

"Pague menos IR ainda em 2023", convida o SERPROS para participantes do PS-II e do Ser+

=> "Você sabia que pode pagar menos Imposto de Renda e ainda ver o seu patrimônio crescer?", pergunta o Fundo em seu site

O site do SERPROS publica em destaque dois simuladores - um para participantes ativos e outro para participantes assistidos - para que os participantes do PS-II e do Ser+ possam calcular o valor de aporte necessário, a ser feito ainda este ano, para que tenham abatimento no Imposto de Renda a pagar referente a 2023. A dedução está limitada a 12% da renda tributável do contribuinte e só é possível na Declaração Completa do IRPF.

"O ano de 2023 está quase acabando, mas ainda dá tempo de analisar o valor de suas contribuições realizadas e verificar o quanto você consegue de redução no IR com elas. Isso porque, com o Benefício Fiscal, você poderá abater durante a declaração de Imposto de Renda o valor investido no SERPROS até o limite de 12% da sua renda tributável", explica o texto no site do nosso Fundo.

Em caso de dúvidas, os participantes interessados podem entrar em contato com os especialistas do SERPROS pelo telefone no número 0800 721 1010 ou pelo canal Fale Conosco, no site (clique aqui).

18/12/23

 
     
   
     
 

Próximo Boletim da ASPAS: 15/01/2024

=> Associação está em recesso de 14/12/23 a 07/01/2024

Esta é a última edição deste Boletim Eletrônico da ASPAS este ano. Retornaremos em 15 de janeiro de 2024.

O recesso do Boletim é fruto do recesso de fim de ano da Associação que, conforme já informado no Boletim anterior, vai de 14/12/2023 a 07/01/2024. O atendimento da ASPAS aos associados e participantes do SERPROS em geral volta ao normal no dia 8 de janeiro.

18/12/23

 
     
 

Por que as pessoas trocam presentes? A fascinante explicação antropológica

=> O que a ciência diz sobre o hábito de dar presentes, que existe nas mais variadas culturas ao redor do mundo

Chip Colwell, professor de antropologia na Universidade de Colorado Denver, publicou um interessante artigo no site de divulgação científica "The Conversation", reproduzido em português pelo jornal Estado de Minas. No artigo, ele pergunta: Por que as pessoas trocam presentes?

"Você já planejou todos os seus presentes de Natal? Se você for como eu, pode estar esperando até o último minuto. Mas não importa se todos os presentes já estão embrulhados ou se você vai comprar na véspera de Natal - dar presentes é uma característica curiosa, mas central, do ser humano", inicia o texto de Colwell.

"Para mim, como antropólogo, esta é uma questão especialmente poderosa porque dar presentes provavelmente tem raízes antigas. E os presentes podem ser encontrados em todas as culturas conhecidas ao redor do mundo", continua.

VISÕES DA TEOLOGIA, DA FILOSOFIA E DA ANTROPOLOGIA

Colwell observa que "os teólogos notaram como presentear é uma forma de expressar valores morais - como amor, bondade e gratidão - no catolicismo, no budismo e no islamismo. E filósofos que vão de Sêneca a Friedrich Nietzsche consideravam presentear como a melhor demonstração de altruísmo".

Segundo ele, "não é de admirar que os presentes sejam uma parte central do Hannukah, do Natal, do Kwanzaa e de outros feriados de fim de ano".

Mas de todas as explicações sobre a razão pela qual as pessoas dão presentes, Colwell considera que a "mais convincente foi dada em 1925 por um antropólogo francês chamado Marcel Mauss".

Diz ele: "Num ensaio agora famoso intitulado "The Gift", publicado originalmente há quase um século, Mauss observou que os presentes criam três ações distintas, mas inextricavelmente relacionadas. Presentes são dados, recebidos e retribuídos".

Leia o artigo aqui.

18/12/23

 
     
 

As festas de fim de ano e o poder do afeto

=> Pesquisadores indicam que as celebrações de Natal e Ano Novo podem favorecer diretamente a qualidade de vida dos idosos. Confira

À medida que as luzes de Natal se acendem e as festividades de fim de ano se aproximam, surgem também muitas oportunidades de fortalecer laços de afeto com nossos entes queridos - mesmo com aqueles que permanecem mais distantes ao longo do ano, seja por conta das distâncias geográficas ou pela intensidade da rotina de trabalho. Esses encontros, e reencontros, são especialmente importantes para o idoso e, conforme afirmam os especialistas, podem contribuir efetivamente para elevar a qualidade de vida ao longo de todo o ano que se iniciará. É o poder do afeto, que desempenha um papel crucial na promoção da saúde mental, especialmente dos mais velhos.

A época das festas de final de ano concentra grande significado para o idoso, uma carga emocional que pode ser tanto negativa, quanto positiva - e isso pode afetar profundamente a saúde mental dessas pessoas no ano que se inicia. Nesse período de celebração, muitos idosos que já perderam amigos e familiares relembram seus entes queridos, particularmente aqueles que se faziam presentes nessas datas. Essas datas suscitam a lembrança de momentos felizes, marcados pela animação e a presença de companhias queridas, mas podem levar, por outro lado, a pensamentos sobre o fim da vida e a uma profunda nostalgia, despertando um sentimento de solidão. Por isso, o contato com entes queridos se torna ainda mais importante nesta época. A presença de parentes e amigos nas festas não apenas garante momentos de alegria, mas também atua como um verdadeiro bálsamo que afasta a solidão e aplaca a saudade.

Esse período festivo representa ainda uma ótima oportunidade para que os idosos entrem em contato com as gerações mais jovens. Essa interação tende a beneficiar a capacidade de cognição da pessoa idosa e é extremamente proveitosa para os mais jovens. Segundo a pesquisadora e psicóloga Lucy Carvalhar, estudos revelam "aumento da ocitocina, hormônio do afeto, serotonina, dopamina e endorfina, que são os hormônios da satisfação e do prazer, aliviando estresse, ansiedade e depressão" em idosos que convivem com crianças. Além disso, o próprio engajamento na organização das celebrações de final de ano e o envolvimento com o cuidado aos mais novos faz com que os idosos mais sedentários se movimentem, o que pode até mesmo estimular a busca por socialização e por hábitos mais saudáveis no ano que se inicia.

TODA A FAMÍLIA DEVE PARTICIPAR

É muito importante, todavia, que a responsabilidade sobre a organização das celebrações de final de ano não recaia exclusivamente sobre os idosos, uma realidade em muitas famílias brasileiras. Neste cenário, muitas vezes o momento que deveria ser reservado às manifestações de afeto e à comemoração acaba representando uma sobrecarga para os mais velhos, colocando sua tranquilidade e sua saúde em risco. Assim, é importante que todos os membros da família desempenhem um papel e se envolvam no processo, dividindo previamente as tarefas necessárias para a realização das festas.

Além disso, é crucial que todos estejam conscientes das necessidades específicas dos idosos e estejam dispostos a adaptar os seus planos para garantir uma celebração leve e divertida para todos. Isso pode envolver ajustes na programação, a escolha de atividades acessíveis e até mesmo fornecer suporte adicional quando necessário. É importante lembrar que a inclusão dos idosos não deve ser vista como uma obrigação, mas como uma oportunidade valiosa de compartilhar momentos especiais com aqueles que têm riqueza de experiência, sabedoria acumulada ao longo dos anos e muitas histórias para compartilhar.

A empatia, a compreensão mútua e o afeto são a base para construir momentos únicos que se perpetuam na memória de todos. Ao incluir os idosos ativamente no planejamento das celebrações, adaptando as atividades às suas necessidades e contando com a colaboração de todos os membros da família, é possível criar um ambiente enriquecedor e acolhedor para todos, tornando as festividades verdadeiramente especiais!

18/12/23

 
     
 

Parabenize os próximos aniversariantes

Dezembro:

18 SIMPLICIO CARLOS BARBOZA PR
18 GLADIS PETRONILDA WIZOREK RS
19 HAILTON DE CASTRO PACHECO BARROS CE
19 MARTINHO DA CONCEICAO FERNANDES RJ
20 SONIA XAVIER RJ
21 EDEN VIEIRA COUTO RJ
21 MANOEL ANTONIO DA SILVA BISAGGIO MG
21 FERNANDO DE ABREU PORTO RJ
22 ELIANA MARIA DIAS MARANHAO DE FREITAS MG
22 EUNICE BEZERRA LIMA PE
22 MARIA ANGELITA DE MELO MAFRA AL
23 MESSIAS ANGELO DE OLIVEIRA BA
23 MARIA DOLORES GOMES DE LIMA PE
23 ELIANE CILMARA WALGER CAMARGO LIMA PR
24 NATALICE GOMES FRANCO SP
24 DEBORA CARLANTONIO RJ
25 YARA DE MELO RESENDE DF
25 DARWIN DARLING PINTO RJ
25 FABIO JOSÉ BERTOL RS
25 MITIO NAKARO SP
25 GLAUCIO JESUS DE MELO RESENDE DF
25 NATALICE RANGEL DIEGUEZ RJ
26 JOSE DE SOUZA RJ
26 MARINÊS VALENTIM DE MELO PE
27 VERA LUCIA DE ALMEIDA CASTRO RJ
28 ROGERIO DA SILVA PORTO RJ
28 MANOEL ALVES DE SOUZA JÚNIOR DF
28 MARIA HELENA DINO NEVES SP
29 CARLOS ROBERTO DE AGUIAR RJ
29 CARLOS EDUARDO GONÇALVES DA SILVA RJ
29 SANDRA HELENA DE CARVALHO ROCHA RJ
29 TIRSO DOS SANTOS PINHEIRO BA
30 SAMUEL AGOSTINHO SANTIAGO PB
30 MARIA AURORA MACHADO PINTO RJ
30 NATAL GOMES PORTO DF
30 PAULO ROBERTO FIGUEIREDO SILVA BA
30 ALCÍDIO DARÓS SC
31 ANABELA SANTOS SOUTO DF

Janeiro 2024:

01 DEOCLECIANA HESSE BRONE SP
01 REGINA MARIA KARAM PR
01 RICARDO LUIZ PEREIRA LIMA BA
01 IDENE LUIZA DE JESUS BA
02 EDGARD BRAGA CAGIANO SP
02 MARYLENE ALVES DOS SANTOS RJ
02 PAULO TISSOT SELLOS MG
03 GUARACI BASTOS ROCHA RJ
04 JORGE CRISTINO DA SILVA BRITO RJ
04 HERMOGENES SANTOS CONCEIÇÃO RJ
04 MARIA LIBERATO DE SOUZA CE
04 WILLIAN PELICIOLI SPAGNOL PR
05 MARIA DE LOURDES CONDE GOMES RJ
05 NELY ANTONIA DE JESUS RJ
06 ANTONIO JOSE RODRIGUES DA S.GUIMARAES RJ
06 JOÃO NELSON TORRES RJ
07 VALERIA EVANGELISTA BORSARI DA SILVA RJ
07 ANA LUCIA PINHEIRO BARRETO DE PAIVA RN
07 MARINA SILVEIRA DE SA RJ
07 TANIA RODARTE NEVES ALVES RJ
08 JOSE EDMILSON NASCIMENTO CE
08 DALVA SERRA DE MATOS BA
09 SONIA LABRE DE ARGOLLO E CASTRO RJ
10 JOSE DE SOUZA TAVARES DF
10 PEDRO HENRIQUE DE SOUSA DA SILVEIRA RJ
11 SERGIO MARIO BOTTEGA DE QUEIROZ GONCALVES DF
12 FATIMA BALBINO BALDACCONI GO
12 NELSON LIMA DA COSTA RJ
12 MARIA JOSE THEODORO KOEPPL SP
13 HATIRO HONDA SP
13 AVANI JUREMA DE MELO BESERRA PE
13 CLEVER DA SILVA PLONCZYNSKI RJ
13 HAMILTON MACEDO JUNIOR BA
13 SERGIO MACEDO PESSOA RJ
13 DIMEA DE OLIVEIRA PINTO RJ
13 WILTON QUEIROZ DE ARAUJO RJ
14 LINDELMA DIAS DF
14 BENEDITO FERREIRA DE OLIVEIA RJ

18/12/23

 
     
   
     
 

Você já curtiu a página da ASPAS no Facebook?

Conheça e curta a página da ASPAS no Facebook clicando aqui.

Se ainda não está no Facebook, entre aqui primeiro e crie seu perfil.


 
     
 
As notícias dos boletins anteriores podem ser acessadas pelo site www.aspas.org.br
 
 
Este boletim foi enviado pela assessoria de comunicação da ASPAS.
Se você não deseja receber mais o Boletim, envie uma mensagem para cancelar@aspas.org.br