Boletim Eletrônico da ASPAS - 04 de dezembro de 2023

 
 
 
04 de dezembro de 2023
 
     
 

ASPAS cria canal para associado tirar dúvidas

=> Em 2024, "ASPAS Responde" publicará as respostas às perguntas dos associados

O Boletim Eletrônico da ASPAS publicará, a partir de 2024, uma coluna com respostas a perguntas enviadas pelos associados. É comum que associados enviem perguntas à Associação sobre temas de seu dia a dia, com dúvidas sobre o benefício pago pelo SERPROS, sobre o PAS-Serpro, plano de saúde do Serpro, e muitos outros temas. Agora, com a coluna "ASPAS Responde" em nosso Boletim, as respostas poderão ser úteis também a outros associados e participantes que têm a mesma dúvida.

Os interessados já podem enviar suas perguntas para o e-mail aspas.br@gmail.com. As respostas serão publicadas a partir de janeiro de 2024 neste Boletim semanal, que é publicado toda 2ª feira em nosso site (https://www.aspas.org.br) e também enviado por e-mail a um grande número de participantes do SERPROS. Para se tornar sócio ou conferir o seu cadastro fale com a ASPAS pelo WhatsApp 21 98055-3939.

04/12/23

 
     
 

Já fez sua doação de sangue este ano?

=> Apelo de associado do RJ chama a atenção para a doação de sangue, um grande ato de solidariedade ao próximo

Um apelo recebido pela ASPAS para doação de sangue em prol da esposa do nosso associado Ubirajara Sepulveda Marapodi, do Rio de Janeiro, chamou nossa atenção para o tema, que é muito importante. As informações para a doação constam na imagem ao lado e conclamamos nossos associados do Rio de Janeiro a fazerem o procedimento, que é simples e indolor. Importante: idosos só podem doar sangue agora se já tiverem doado pelo menos uma vez na vida antes dos 61 anos de idade.

No entanto, vamos além. Convidamos os associados de todo o Brasil a darem atenção ao assunto. Em todos os estados há instituições que integram um sistema oficial, público, criado para a coleta de sangue e distribuição aos hospitais. São os hemocentros, nos quais se deve agendar a doação.

UMA DOAÇÃO SALVA QUATRO VIDAS

Coincidentemente, o Dia Nacional do Doador de Sangue foi celebrado recentemente, no dia 25 de novembro último. Segundo o Ministério da Saúde, uma única doação pode salvar até quatro vidas. Antes de se negar a doar por conta de crenças equivocadas e mitos (como a ideia de que quem passa por cirurgias, tem tatuagem, ou toma remédios não pode ser doador de jeito nenhum), informe-se corretamente nos sites do hemocentro de seu estado, inclusive sobre a 'janela imunológica' que abre a chance para alguns desses doadores.

Uma matéria bastante completa do G1 Distrito Federal esclarece todos os critérios para doação de sangue. Veja aqui.

A IMPORTÂNCIA DE ESTOQUES ESTÁVEIS

A Diretora de Relações Externas e Intercâmbios da Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo, Carla Luana Dinardo, explica que a falta de reserva no hemocentro pode causar adiamento de cirurgias. "Os familiares sabem a dor que é cancelar uma cirurgia cardíaca, oncológica ou de paciente crônico de quimioterapia porque não temos bolsa de sangue. Fica o apelo para que as pessoas levem o espírito de natal e não tirem férias da doação: aproveitem esse tempo para doar sangue", defende.

Em 1º de dezembro último, os estoques de sangue em São Paulo, segundo a Fundação Pró-Sangue, ligada à Secretaria de Estado da Saúde, estavam estáveis para os tipos sanguíneos A+, AB+ e AB-; críticos para os tipos O+, B+, O- e B-; e em situação de alerta para o tipo A negativo.

No Estado do Rio de Janeiro, o HemoRio informa que, em 2022, o percentual de doadores de sangue chegou a 2,37% da população do Estado, abaixo da meta de 3% para que o abastecimento de sangue aos hospitais atinja o nível necessário para atender à demanda. Com esse percentual chegou-se a 303.027 bolsas de sangue coletadas naquele ano, número superior a 2021 (300.162) e a 2020 (267.031), anos da pandemia. No entanto, em 2019 haviam sido coletadas 308.678 bolsas de sangue.

SAIBA ONDE E COMO DOAR

Conheça alguns sites por onde se informar e agendar:
Em Brasília, DF: https://www.fhb.df.gov.br/
Em São Paulo: https://prosangue.sp.gov.br/home/index.php
No Rio de Janeiro: http://www.hemorio.rj.gov.br/
No Paraná: https://www.saude.pr.gov.br/Endereco/Hemepar-Curitiba
No Ceará: https://www.hemoce.ce.gov.br/
No Rio Grande do Sul: https://saude.rs.gov.br/hemocentro-do-estado-do-rio-grande-do-sul

Nos sites de busca, procure pelo Hemocentro do seu estado.

04/12/23

 
     
   
     
 

Atenção aos golpes envolvendo o 'Desenrola Brasil'

=> O Programa de renegociação de dívidas do Governo Federal entrou na mira dos golpistas. Entenda

No mês de outubro, o Governo Federal deu início à segunda etapa do Programa Nacional de Renegociação de Dívidas, o Desenrola Brasil. Nesta nova fase, serão renegociadas dívidas de até R$ 5 mil, contraídas até o final de 2022. Essa boa notícia, no entanto, também acabou chamando a atenção de golpistas especializados em crimes digitais, que estão mirando a faixa de credores aptos a se beneficiar com o programa para aplicar golpes financeiros envolvendo supostas "facilidades" na negociação das dívidas. Vale ressaltar que o mesmo problema já havia ocorrido na primeira fase do Desenrola Brasil. Por isso, o Ministério da Fazenda (MF) divulgou um comunicado alertando os cidadãos para que estejam atentos e evitem os golpes envolvendo a renegociação de dívidas por meio do programa federal.

Os golpistas têm utilizado duas maneiras para contactar as suas vítimas. Em alguns casos, postagens em redes sociais, anúncios falsos, além de "spam" são empregados para atrair pessoas interessadas em renegociar suas dívidas para sites ou aplicativos falsos, que simulam com perfeição a plataforma do programa, muitas vezes com o mesmo layout utilizado pelo Governo Federal. A partir daí, são solicitadas informações do usuário para um cadastro e, posteriormente, falsos atendentes passam a falar diretamente com a vítima, momento em que apresentam os supostos valores a serem pagos para a quitação dos débitos. Esses valores, no entanto, na verdade são direcionados para os criminosos.

SÓ HÁ UM LINK OFICIAL DO PROGRAMA

Em outros casos, falsas empresas entram em contato oferecendo a possibilidade de renegociação de dívidas por um valor supostamente ainda mais vantajoso do que o oferecido pelo Desenrola. Porém, depois de realizado o pagamento, a vítima descobre que as dívidas não foram saldadas e os golpistas desaparecem. Há, inclusive, relatos de pessoas que não possuíam dívidas, mas que foram abordadas pelos criminosos e acabaram acreditando que realmente possuíam débitos em aberto. Por isso, ao receber um contato como o descrito, é recomendado que o usuário desligue o telefone e busque, pessoalmente, pelo endereço correto do programa, de forma que possa verificar a real existência de alguma dívida pendente e se o débito é mesmo passível de negociação na plataforma.

É importante frisar que existe apenas um link oficial para o site do governo, o desenrola.gov.br, no qual estarão indicadas as dívidas de cada usuário e os descontos disponíveis para a renegociação. O acesso à plataforma do Desenrola Brasil é disponibilizado apenas para o usuário gov.br. O Ministério da Fazenda também reforçou que as comunicações oficiais, que divulgam aos cidadãos o programa, estão sendo emitidas através de mensagens de texto e nunca contêm quaisquer links. Assim, o recebimento de ofertas por qualquer outro canal de comunicação, a exemplo de links, e-mail, mensagens de WhatsApp, deve ser ignorado, já que certamente se trata de uma tentativa de golpe.

COMO ESTÁ FUNCIONANDO O 'DESENROLA BRASIL'?

Na atual fase do Programa, podem participar da renegociação de dívidas as pessoas com renda mensal de até dois salários-mínimos (R$ 2.640) ou os inscritos no Cadastro Único, com dívidas que, somadas, não ultrapassem o valor de R$ 5 mil. Esse grupo será beneficiado com descontos médios de 83% para saldar dívidas bancárias e não bancárias, contraídas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022. Diversos tipos de débito são contemplados pelo programa, como contas de luz, água e internet, compras no varejo e débitos acumulados junto a instituições de ensino. O consumidor pode escolher entre a quitação à vista ou o parcelamento em até 60 meses, com juros de até 1,99% ao mês. Os descontos variam caso a caso e é possível parcelar o pagamento em até 60 vezes, desde que as parcelas sejam de, no mínimo, R$ 50.

Não deixe que criminosos aproveitem de sua boa-fé! Mantenha-se sempre atento ao teor e à origem das propostas financeiras que você recebe. Assim, você pode aproveitar uma excelente oportunidade de renegociar as suas dívidas com segurança e começar 2024 com toda a tranquilidade.

04/12/23

 
     
 

Parabenize os aniversariantes da semana

04 FRANCOISE SYLVIA PERRET RJ
04 EDVALDO PEREIRA MATIAS SP
04 BÁRBARA MARIA PASSOS LIMA DF
05 CLAUDIO RIBEIRO RANGEL RJ
06 NEUZA BARROS SEIXAS PORTIOLLI RJ
06 MARICELIA DE LUCCA SP
06 WALTER CORDEIRO DE OLIVEIRA PE
06 MARIA APARECIDA ROSA SUMMO SP
07 JOSÉ ALBERTO COSTA SOBRAL RS
07 CARLOS HENRIQUE FERREIRA RJ
08 JOICE CONCEICAO DE CARVALHO RJ
08 JOÃO BOSCO DA SILVA DF
08 MAURO DE OLIVEIRA FONSECA RJ
08 ELIANA CONCEIÇÃO AITA SP
08 RONALD DORIA DREUX RJ
09 IVETE PEDROZO ARRAIS PE
09 MARIA HELENA PINTO DE SOUZA RJ
10 JOAO FRANCISCO QUARTO DA SILVA RJ
10 JOSE NUNES DA SILVA RJ
10 MARLENE BRITO DE OLIVEIRA RJ
10 SYLVIA MONTEIRO DE SOUZA RJ

04/12/23

 
     
   
     
 

Você já curtiu a página da ASPAS no Facebook?

Conheça e curta a página da ASPAS no Facebook clicando aqui.

Se ainda não está no Facebook, entre aqui primeiro e crie seu perfil.


 
     
 
As notícias dos boletins anteriores podem ser acessadas pelo site www.aspas.org.br
 
 
Este boletim foi enviado pela assessoria de comunicação da ASPAS.
Se você não deseja receber mais o Boletim, envie uma mensagem para cancelar@aspas.org.br